mardi 13 novembre 2012


Resultado do Prêmio Economia Criativa

Edital premia 150 iniciativas em duas categorias, contemplando todas as regiões brasileiras
O resultado do Prêmio Economia Criativa – Edital de Fomento a Iniciativas Empreendedoras e Inovadorasfoi publicado na edição desta terça-feira13 de novembro, do Diário Oficial da União – (Seção 1, páginas 15 a 19). Foram  premiadas 150 iniciativas em duas modalidades: 100 na categoria Novos Modelos de Gestão de Empreendimentos e Negócios Criativos e 50 na categoria Formação para Competências Criativas.
O valor do prêmio individual estabelecido no edital é de R$ 23 mil para os selecionados na modalidade Novos Modelos de Gestão de Empreendimentos Criativos e R$ 26 mil para os premiados na categoria Formação para Competências Criativas. Os 150 prêmios do edital somam R$ 3,6 milhões.
Lançado em fevereiro deste ano pelo Ministério da Cultura (MinC), o Prêmio Economia Criativa reuniu, ainda, além do Edital de Fomento a Iniciativas Empreendedoras, o Edital de Apoio a Estudos e Pesquisas em Economia Criativa, cujo resultado final foi homologado no dia 8 de outubro. Somados, os dois editais premiaram 169 iniciativas, totalizando R$ 4,1 milhões em prêmios.
A secretária da Economia Criativa do MinC, Cláudia Leitão, afirma que um dos fatores importantes do prêmio é que ele “sinaliza” para a sociedade que a Economia Criativa está inserida na pauta do governo federal. “É uma vitória dos setores criativos brasileiros”, comemora.
“Sem dúvida, o prêmio é um estímulo aos empreendimentos criativos brasileiros. Claro que não podemos viver de editais, precisamos de fomento e de marcos legais adequados, mas até bem pouco tempo não tínhamos essa discussão em nível institucional, como política de governo. O prêmio mostra que o país caminha para consolidar a Economia Criativa como um dos eixos para o seu desenvolvimento sustentável”, observa.
Modelos de Gestão e Formação de Competências
O Edital de Fomento a Iniciativas Empreendedoras e Inovadoras recebeu 651 inscrições no período de 13 de fevereiro a 30 de abril de 2012. Das 491 inscrições válidas, foram habilitadas 383 iniciativas na primeira fase, 223 para a categoria Novos Modelos de Gestão de Empreendimentos e Negócios Criativos e 160 para Formação para Competências Criativas.
Na segunda fase de avaliação, foram classificadas as 283 iniciativas que obtiveram o mínimo de 25 pontos por categoria. A avaliação foi feita entre setembro e outubro por uma comissão de 34 membros, composta por representantes do Governo Federal e da sociedade civil atuantes nas áreas  criativas. Foram premiadas 69 iniciativas da região Nordeste, 53 do Sudeste, 10 do Centro-Oeste, 9 do Norte e 9 do Sul.
A premiação dos trabalhos relativos aos Modelos de Gestão contemplou iniciativas voltadas ao desenvolvimento e à sustentabilidade de empreendimentos criativos que estimulam os ciclos de produção, circulação, distribuição, consumo e fruição de bens e serviços criativos.
Já na área da Formação de Competências, a seleção premiou projetos pedagógicos que prevêem a estruturação de cursos livres, dirigidos à qualificação de profissionais que atuam em gestão de empreendimentos criativos, gestão de carreiras, gestão de redes e coletivos e capacitação profissional de técnicos dos segmentos criativos.
Os nomes dos membros da comissão estão publicados no DOU juntamente com o resultado do prêmio. Os recursos devem ser apresentados no prazo de até cinco dias a partir da data da publicação no Diário Oficial da União e podem ser enviados ao email:  pbc.fomento@cultura.gov.br.
Classificados
(Texto: Marcelo Leal, Ascom/SEC/MinC)

mercredi 7 novembre 2012


OLINDAPART/ATELIER MUTIRÃO DE CULTURA/CINECLUBE JARDIM



Foto de Rafael Bandeira, Fotográfo, Turismologo,Guitarista e Vocalista da BANDA DISCO DE VITROLA.